Colonialismo — número 4

R$25,00

ou 2x de R$12,50

Você também pode comprar direto pelo WhatsApp. Para isso, fale com a gente.

“É bom olhar de frente para o passado longínquo, e ver como ainda no presente nos restam resquícios desse colonialismo sofrido e torturante, como eles se embrenham em nossas relações diplomáticas e nas relações interpessoais.”

COLONIALISMO
Amarello 4 — edição impressa

Índice:
Crônicas de Nuria Basker e Adriana Calabró
O Brasil pega, devora e faz seu tudo o que quer, e nunca pergunta se pode, de Alexandra Waldman
Tão longe e tão perto de Andréa Simioni
Na batida da antropofagia, de Letícia Lima
A ópera e o boi: Fitzgerald, Fitzcarraldo e Lindolfo Monteverde, de Fernando Falcon
Des enredo, de Bruno Schultze e Isabela Capeto
“Escurecendo” o chocolate, de Sarah Moss e Alexander Badenoch
Storytelling, de Theo Firmo
Zhunbei Xiang Zhongfang Shenghuo Fangshide Antonio Biagi
Ctrl+c | ctrl+v | ctrl+x, de Lucas Simões
Cenas de uma história mal contada, de Vanessa Agrícola
Paulo Nazareth
O “bom” Nassau: um invasor muito genial, de Carlos Andreazza
2 ,aos 1, para a derrocada da colonização, de Roberta Ferraz e Gabriel Kolyniak
Espaço brasileiro em espaços complicados, de Bruno Pesca
Terra do nunca, de Helena Sicupira e Rafael Levy

Cadastre-se