Priscila Carvalho na Marcha das Mulheres negras do Rio de Janeiro, 2018. Fotografia de Milsoul Santos. #37Futuros PossíveisCulturaSociedadeGeração tombamento: afrofuturismo e pluralidade estéticas como ferramentas de descolonização de corpos negros por Priscila Carvalho Racismo e a tentativa de colonização dos corpos negrosO racismo é uma tecnologia de poder que opera por meio do controle a partir da discriminação sistêmica de grupos étnico-raciais subalternizados e, no Brasil, sempre esteve relacionado com o fenótipo, que é o conjunto de características físicas tais como a textura dos cabelos, o formato dos lábios, do nariz e, sobretudo, a cor da pele.Um líder Iorubá conta que uma prática comum aos europeus que chegavam aos portos para sequestrar e trazer pessoas africanas em condição de escravizadas para os territórios invadidos (colonizados) era, antes de embarcá-los, obrigá-los a circundar uma árvore a qual chamavam de “árvore do esquecimento”. Assim, suas memórias sobre seu povo, sua família, sua…

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Assine ou para ter acesso a todo o nosso conteúdo.

Cadastre-se