#11SilêncioCulturaSociedade

Club Silêncio

por Facundo Guerra

O silêncio não existe, e isso precisa ficar claro desde já. Não que não exista; existe, mas não pode ser apreciado por nenhum de nós, os que respiramos. Portanto, para todos os efeitos ele não existe, não pode existir enquanto pudermos dar nomes às coisas. O silêncio pertence à ordem das ideias, da fé: tendemos ao silêncio, cada vez mais, à medida que tudo depende do cérebro, de uma educação múltipla para a produção eletrônica; mas existe algo antes dele, esse limite último, uma tendência a calar, sem no entanto silenciar.Trata-se de um absoluto que é demolido pela simples enunciação da palavra, pelo simples pensar sobre ele, e aqui recorro um pouco à física de botequim: o som se propaga pelo ar, todos deveríamos saber disso, e aquelas explosões em batalhas no cosmos, que acompanhamos desde miúdos em filmes de ficção científica, não passam de açúcar para os olhos. Uma…

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Assine ou para ter acesso a todo o nosso conteúdo.