#1MudançaArteFotografia

Entrevista com The Decaptator

por Rose Klabin

O artista inglês The Decapitator entrou de sola na cena de arte no ano passado arrancando respostas como “original”, “genial”, brilhante” e “pervertido”. Esse artista de culture-jamming (arte que subverte propagandas e comunicação corporativa de massa, infiltrando-se no próprio meio), aniquila as imagens em anúncios de propaganda arrancando as cabeças dos modelos, deixando nada além de um cotoco ensanguentado. Seu trabalho sujo já arrasou coelhinhas da playboy, o elenco de High School Musical da Disney, Sarah Jessica Parker e até mesmo o pobre sapinho verde Caco, dos Muppets, transformando peças publicitárias em arte subversiva. Seu estilo irreverente e perturbador que faz pensar, já ganhou as páginas da revista WIRED, do The Guardian, ADBusters e inúmeros outros veículos internacionais.Uma de suas ações mais famosas foi o sequestro de centenas de exemplares do London Paper, um jornal gratuito londrino, e a alteração de sua contracapa, decapitando um anúncio do astro do futebol…

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Assine ou para ter acesso a todo o nosso conteúdo.

Cadastre-se