#10FuturoCulturaLiteratura

Certezas

por Marina Lima

Os artistas da vida precisam de tempo —para moldar seus traços, pegadas e sons. Mas a palavra esperança me remete à espera; uma espécie de subordinação à não-ação,atrelada à religião. Disso não entendo, então vou direto pras certezas.Outro dia me tomaram como pessimista…Tudo bem, confessei não gostar da palavraesperança, mas pessimista?Não,nunca! Longe de mim.Se decretarem fim para os finais felizes, vou querer descer na hora.Digo é que, vendo grandes artistas atuando em seus campos de batalha, ganhamos Certeza. Estímulos desse porte invocam a coragem da gente.E assim é possível enxergar por dentro da carne ou diante do breu.Se ganho certeza, não há espaço para esperança.Em que alturaDeve-se abrir mãoDas aventuras, dos riscos e da paixãoSe estamos vivosTemos direito de sentirSerá bonito ficar de longe e denegrirA juventudeE os com fogo no coraçãoQuando as doenças e os medos são em vãoEm que medidaEnvelheceremos bemOlhando os outrosSem douçura e com desdémCada um…

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Assine ou para ter acesso a todo o nosso conteúdo.